×

NOSSO BLOG

27 de Julho de 2010

COMUNICAR-SE É IMPORTANTE

Compartilhar:

    Quem não apresenta suas idéias com clareza ou defende mal seus argumentos diante um grupo enfrenta problemas tanto na sala de aula como na vida profissional. A Escola, no entanto, não tem se dedicado à questão como deve. Embora o ensino da Língua Oral esteja previsto nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) há mais de uma década, essa prática está longe de ser prioridade. Ela é confundida com atividades de leitura em voz alta e conversas informais, que não preparam para os contextos de comunicação.               Comunicar-se em diferentes contextos é questão de inclusão social, e é papel da Escola ensinar isso.               A linguagem oral está organizada em gêneros (entrevistas, debates, seminários e depoimentos) e o empenho do professor nas aulas deve ser o mesmo dado aos gêneros escritos (contos, fábulas, crônicas, notícias e outros). Assim como não há um texto escrito sem propósito comunicativo, tampouco existe uma só maneira de falar. É preciso criar contextos de produção também para os gêneros do oral, em que se determinam quem é o público, o que será dito e como. É isso que permite aos alunos se apropriarem das noções, das técnicas e dos instrumentos necessários ao desenvolvimento de suas capacidades de expressão em situações de comunicação.               A diferença entre a língua falada e a língua escrita é uma questão antiga. Até a década de 1980, elas eram consideradas opostas. Enquanto a primeira aparecia como incompleta e imprecisa, a segunda simbolizava formalismo e planejamento.               Os debates recentes apontam para um caminho bem diferente. O oral e o escrito tem postos de contato maiores ou menores, conforme o gênero.               É necessário, portanto, ensinar a preparação de situações de comunicação oral com base num planejamento que requer quatro condições didáticas: orientação da pesquisa, discussão de modelos, análise de simulação ou ensaios e indicação de forma de registro.            

     A prática é uma grande aprendizagem!  

 

20190911104713_5d78fae126894.jpg